Segunda, 14, Junho, 2021
Geral 30, maio, 2021

Brasil perde para a França no VAR nas quartas e deixa o Pré-Olímpico 3×3

thumb

Em jogo duríssimo, disputado ponto a ponto, o Brasil caiu diante da França, pelas quartas de final do Pré-Olímpico 3×3, e deu adeus ao torneio disputado em Graz, na Áustria. Com a derrota por 21 a 19, a Seleção Brasileira também viu chegar ao fim as chances de classificação para a Olimpíada de Tóquio 2020. Os brasileiros encerraram sua participação na competição com três vitórias e duas derrotas, jogando de igual para igual com todos os rivais e sendo uma das grandes histórias do torneio, de acordo com a FIBA 3×3. 

Na primeira fase, a Seleção Brasileira venceu Turquia, República Tcheca e Mongólia, e foi derrotada pela Polônia. E perdeu para a França nas quartas de final. A derrota para os franceses veio apenas no VAR. O jogo estava empatado em 20 a 20, mas a França pediu o desafio de estouro do cronômetro. Assim, a cesta brasileira foi cancelada, trazendo o placar para 20 a 19 para a França, e a posse de bola foi dos rivais, que mataram bola de bandeja e venceram.

O Brasil jogou o Pré-Olímpico com Jefferson Socas, André Ferros, Jonatas Mello e Fabrício Veríssimo. Will e Leandro Lima foram os reservas. O coach foi Douglas Lorite e o preparador físico foi Thiago de Sordi. O departamento de 3×3 na CBB é comandado por Francisco Oliveira. 

Pelo critério FIBA, o Brasil não tem mais chances de classificação para a Olimpíada no 3×3. A última repescagem universal terá a participação apenas de países que não estiveram nos dois últimos jogos olímpicos 5×5. Como o Brasil disputou Londres e Rio 2016, não pode participar da repescagem. O basquete 3×3 estreia em Olimpíadas em Tóquio 2020. E agora o Brasil se prepara para o próximo ciclo, em Paris 2024.

Fonte: Assessoria CBB