Sábado, 27, Novembro, 2021
Política 19, janeiro, 2021

Cícero Lucena presencia primeira vacinação na Paraíba e imunização inicia na Capital

thumb

O prefeito Cícero Lucena e o vice-prefeito Leo Bezerra estiveram hoje na Secretaria de Estado da Saúde para presenciar a primeira aplicação da vacina contra a Covid-19 na Paraíba. No local, eles viram com alegria a enfermeira Marineide Gouveia, profissional do Hospital Clementino Fraga, receber a primeira dose. João Pessoa conta de imediato com um total de 14 mil doses da vacina que, de acordo com o prefeito, serão aplicadas seguindo os protocolos federais.

“Temos muita confiança e fé de que, com esse ato que se inicia hoje e com sua sequência, estamos dando um primeiro passo para um novo momento. Não é o número de vacinas que precisamos, mas vamos iniciar e isto demonstra que estamos todos prontos e atentos para fazer a nossa parte” declarou o prefeito. Cícero explicou que será seguido o protocolo do Governo Federal sobre as prioridades. “Aqui vamos cobrir os profissionais de saúde seguido dos idosos”, explicou.

O governador João Azevedo afirmou que o momento era revestido de muita alegria e do compromisso com a população paraibana de fazer as doses chegarem rapidamente aos 223 municípios. “Cada cidade está liberada a, estando com sua estrutura pronta, iniciar a vacinação a partir de hoje. É isso que nós queremos: proteger nossa população”, afirmou.

De acordo com o secretário municipal da Saúde, Fábio Rocha, a Capital vai receber oficialmente nesta terça um total de sete mil ampolas. As outras sete mil serão reservadas para aplicação da segunda dose e, por questões de segurança, ficarão armazenadas na Secretaria de Saúde do Estado. “Estas vacinas serão 100% dedicadas à imunização dos profissionais de saúde que trabalham diretamente no atendimento de casos da Covid-19”, explicou.

Serão vacinados profissionais do Samu, UPAS e hospitais municipais. Caso sobre alguma quantidade, elas serão destinadas aos profissionais de hospitais privados, Clementino Fraga e maternidade Frei Damião. “Vamos pensar primeiro nas alas Covid, depois a totalidade dos funcionários de unidades que atendam Covid e, com a chegada de novas doses, iniciar a aplicação pela faixa etária”, adiantou Rocha. As equipes de imunização vão realizar a aplicação no local de trabalho destes profissionais.

Fonte: SECOM/JP

Foto: SECOM/JP