Terça, 19, Outubro, 2021
Política 7, maio, 2021

CMJP aprova pesar pela morte de diretor adjunto de comunicação, Eduardo Carneiro

thumb

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou voto de pesar pela morte do diretor adjunto de comunicação da Casa, Eduardo Carneiro. A aprovação do requerimento de autoria do vereador Milanez Neto (PV) ocorreu de forma unânime durante a sessão ordinária desta quinta-feira (6).

Eduardo Carneiro faleceu no último sábado (1), aos 51 anos, devido a complicações da Covid-19. Segundo o vereador Milanez Neto, o voto de pesar tem como objetivo demonstrar a solidariedade da Casa “pela dor do falecimento de Eduardo Carneiro, homem íntegro e de conduta ilibada”, justificou o autor da proposta.

“Esta Casa Legislativa jamais poderia se furtar de se associar ao seu pesar, rogando a Deus que traga conforto aos corações enlutados, apresentando aos familiares suas homenagens e sentimentos”, complementou Milanez Neto.

O parlamentar relembrou a trajetória profissional de Eduardo Carneiro e alertou para o perigo da Covid-19 “Por onde passou, construiu amizades e trouxe muita sabedoria. Não foi diferente na prefeitura municipal de João Pessoa, nem aqui na Câmara. Tivemos o privilégio e a honra de contar com ele. Infelizmente, ele foi acometido por essa doença. É uma lição para cada pessoense para que a gente se cuide, o vírus não acabou e está bem próximo da gente”, alertou.

Natural de Mulungu, ainda muito jovem, Eduardo Carneiro mudou-se para João Pessoa, onde formou-se em jornalismo pela Universidade Federal da Paraíba, em 1994. De lá para cá, ocupou cargos de destaque nos principais jornais e rádios do Estado, além de ter tido uma presença marcante no serviço público. Também dedicou-se ao ramo da gastronomia, deixando sempre um exemplo de correção e carinho a ser seguidos por todos. Por tudo isso, a morte precoce, provocada pela Covid-19, causou tanta tristeza aos amigos e colegas.

Fonte: CMJP

Foto: CMJP