segunda-feira, 15 de agosto de 2022
Política 6, maio, 2022

Guga comemora decisão que permite abrigo a animais abandonados no Ronaldão

thumb

O vereador Guga (PROS) comemorou a decisão do juiz Antônio Carneiro de Paiva, da 4ª Vara de Fazenda Pública da Capital, que suspendeu o processo de desocupação de uma sala no complexo esportivo “Ronaldão” que está sendo utilizada por protetores para alimentar animais abandonados que circulam pela área.

“Foi um ganho histórico porque sabemos que os animais seriam despejados, mas ganhamos essa liminar na Justiça e pedimos a sensibilidade do Governo do Estado, que até hoje não fez nada pela causa animal, é inoperante e até hoje não fez sua parte. Peço também ao nosso amigo e vereador Zezinho Botafogo (Cidadania) que atualmente é secretário de Juventude, Esporte e Lazer que cumpra a liminar da Justiça e peço a ajuda da vereadora Fabíola Rezende (PSB) para que marquemos uma audiência com o secretário de Esporte para resolver esse problema”.

A desocupação da sala, que foi suspensa por decisão judicial, havia sido solicitada pela direção do Ginásio, órgão integrante da Secretaria de Juventude, Esporte e Lazer, atualmente gerida por Zezinho.

Em seu pronunciamento, Guga também falou sobre a visita, na quarta-feira passada, de representantes da Caixa Econômica Federal no local onde será construído o Hospital Veterinário de João Pessoa. “Essa obra é uma realidade. Os engenheiros da Caixa estiveram no local e acredito que em até 50 dias teremos condições de licitá-la e digo ao povo que tenha tranquilidade porque esse hospital vai sair do papel porque temos um prefeito compromissado com a causa animal e que respeita essa bandeira. Além disso, sou o vereador que mais destinou emendas para a causa animal na Paraíba: são R$ 180 mil para o Centro de Zoonoses e R$ 150 mil para o Hospital Veterinário. Estamos na luta, firmes e fortes para que até novembro de 2023 possamos entregar esse hospital tão sonhado à população”.

Fonte: CMJP

Foto: CMJP