Quinta, 28, Outubro, 2021
Geral 1, outubro, 2021

João Azevêdo abre campanha Outubro Rosa e destaca ampliação de exames de mamografia para assegurar diagnóstico precoce

thumb

O governador João Azevêdo abriu, nesta sexta-feira (1º), no Centro Especializado de Diagnóstico do Câncer (CEDC), em João Pessoa, a programação do Outubro Rosa, campanha de prevenção contra o câncer de mama, que, este ano, tem como slogan O acesso é o caminho e a chave é a prevenção. 

Durante todo o mês de outubro, o CEDC vai oferecer às mulheres, a partir dos 40 anos, por demanda espontânea, a realização de 100 mamografias de rastreamento, diariamente, das 7h às 19h, e ainda terá atendimento às mulheres indígenas para a realização do mesmo exame, em parceria com o Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI).

O Centro ainda disponibilizará consultas com mastologista, pela manhã e à tarde, e também serão feitas biópsias dos nódulos mamários suspeitos para câncer, diagnosticados em mamografia e ultrassonografia.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual ressaltou a humanização do serviço de saúde prestado no CEDC e reforçou a importância do diagnóstico precoce. “Esse é um passo importante para a cura e se faz necessário que a gente fortaleça a campanha este ano para que as mulheres de todo o estado compreendam a necessidade de fazer os exames. Nós estamos fazendo investimentos importantes na área e, brevemente, teremos uma nova sede do CEDC com uma melhor estrutura e ampliando o atendimento para os homens, garantindo o acesso à prevenção”, frisou. 

A primeira-dama do estado, Ana Maria Lins, enalteceu o trabalho prestado pelos servidores do CEDC e conclamou as paraibanas a procurar o atendimento. “O CEDC dispõe de uma equipe qualificada e comprometida com o trabalho e a conscientização das mulheres é muito importante para que possamos aumentar as chances de cura da doença. O diagnóstico precoce salva vidas e a prevenção é o melhor caminho”, declarou.

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, destacou a resolutividade dos serviços prestados no CEDC. “Nós temos um tomógrafo de última geração e este acesso pode ser espontâneo ou através dos PSFs, sendo fundamental que as Secretarias Municipais entendam a importância do Outubro Rosa, principalmente agora com a transição pós-Covid em que estamos observando uma queda acentuada na realização das mamografias. O diagnóstico precoce do câncer de mama permite a cura de até 95%, daí a importância do acesso fácil, da prevenção e do diagnóstico”, comentou. 

A diretora geral do CEDC, Roseane Machado, enfatizou a importância do cuidado periódico da saúde da mulher. “Se a mulher faz a sua mamografia a cada ano, ela vai perceber se houve alguma alteração e diagnosticando a lesão na fase inicial, a chance de cura é maior, além de o tratamento ser bem mais conservador, com procedimentos menos agressivos à paciente. Nós funcionamos de segunda a sexta, não só no Outubro Rosa, por isso chamamos a atenção das mulheres para a relevância do cuidado com a mama porque esse é um câncer indolor e precisa de um diagnóstico precoce”, comentou. 

A aposentada Laudelina Gonçalves, de 79 anos, afirmou que sempre vai ao CEDC no mês de outubro para fazer a mamografia. “Eu gosto muito do atendimento do local, somos bem atendidas, a gente não enfrenta fila e é tudo muito rápido. Eu digo a todas as mulheres que façam os seus exames que são muito importantes para evitar problemas futuros”, disse. 

CEDC – O Centro Especializado de Diagnóstico do Câncer (CEDC) é o serviço de referência estadual para o diagnóstico precoce do câncer de mama e colo uterino, oportunizando às mulheres paraibanas a cura do câncer mamário. 

Em um único local, a mulher tem a oportunidade de realizar todos os exames para o diagnóstico precoce do câncer de mama, desde mastologista; mamografia; ultrassonografia; punção de cisto mamário; biópsia de mama, através de procedimento minimamente invasivo e anatomopatológico (exame que vai confirmar ou não se a lesão é positiva para câncer).  

Em breve, o CEDC estará de casa nova. O novo endereço será na Avenida Epitácio Pessoa, com uma infraestrutura mais ampliada, oferecendo mais conforto aos usuários do SUS. No momento, a casa está em fase de adequações dos espaços físicos e ampliação da estrutura.

Além das novas instalações do CEDC, a SES está também adquirindo novos equipamentos para o Hospital do Bem, em Patos, que atende casos de câncer de mama, colo de útero, próstata e pele.

Fonte: SECOM/PB

Foto: SECOM/PB