segunda-feira, 15 de agosto de 2022
Geral 27, junho, 2022

Semam cadastra protetores independentes e organizações não governamentais

thumb

A Prefeitura de João Pessoa, por meio da Coordenadoria de Bem Estar Animal da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), abriu um chamamento público para cadastrar organizações não governamentais e protetores de animais independentes. Com o cadastro a Semam pretende fortalecer e incentivar o trabalho dos protetores, bem como criar uma rede de comunicação, agilizando as ações da política de bem-estar animal desenvolvidas pela Prefeitura.

Para se cadastrarem os protetores independentes e as organizações não governamentais, que cuidam de animais, devem imprimir e preencher o formulário, disponível no link    https://shre.ink/2Y4. No caso dos protetores independentes, junto ao formulário é preciso anexar cópia do documento de identidade, comprovante de residência e, caso seja inscrito em algum programa social, anexar a comprovação de inscrição. Já no caso das organizações não governamentais, os representantes preenchem o formulário e anexam cópia dos documentos constitutivos (ata de fundação da instituição ou cópia do CNPJ) e documento que reconheça o representante legal. Os documentos devem ser entregues na sede da Semam, no Centro Administrativo Municipal (CAM), no bairro de Água Fria.

O coordenador de Bem Estar Animal da Semam, Ítalo Oliveira, destacou que o cadastro de protetores, junto à Semam, vai facilitar a comunicação. “Nossa ideia é fazer com que a política de bem-estar animal, desenvolvida pela Semam, em parceria com Centro de Controle de Zoonoses da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), possa ser compartilhada com aqueles que estão na ponta das ações de proteção. Criando essa rede de contatos, queremos que os protetores de animais, tanto os independentes quanto aqueles que têm algum vínculo institucional, sejam os primeiros a serem informados sobre as ações da Prefeitura e também para que possamos apoiar as iniciativas de cuidado e bem-estar animal, desenvolvidas em João Pessoa”, concluiu.

Fonte: SECOM/JP

Foto: SECOM/JP