sexta-feira, 1 de março de 2024
Geral 26, dezembro, 2023

Campanha ‘Natal da Esperança’ promove ações culturais e terapêuticas

thumb

O espírito natalino traz, não só para os cristãos, momentos de confraternização regados por um sentimento de renovação e esperança. Visando levar um pouco dessa energia e trazer reflexões sobre os avanços obtidos em 2023, o Governo da Paraíba, por meio da Fundação PB Saúde, lançou, este ano, a campanha ‘Natal da Esperança’, com uma programação completa de atividades culturais e terapêuticas entre os dias 18 e 22 de dezembro em todas as unidades gerenciadas.

Em Santa Rita, o Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires foi palco do evento de lançamento da campanha de humanização hospitalar, que aconteceu no dia 7 de dezembro. Na ocasião, houve o acendimento de luzes natalinas acompanhado da apresentação do Quinteto de Cordas do Programa de Inclusão Através da Música e das Artes (Prima). O diretor-superintendente da PB Saúde, Ari Reis, esteve presente na solenidade e desejou um feliz natal a todos colaboradores, pacientes, servidores, prestadores de serviços e fornecedores.

“Vocês alimentam a nossa esperança de manter os nossos serviços de alta complexidade funcionando para atender aos mais de 4 milhões de paraibanos. Desejo um feliz Natal a todos e que no próximo ano possamos estar aqui comemorando ainda mais resultados e celebrando ainda mais vitórias”, afirmou o diretor-superintendente da PB Saúde.

A programação natalina do Metropolitano começou na última segunda-feira (18), com o ‘Natal na Brinquedoteca’, quando as crianças internas tiveram direito a bingo, brincadeiras, lanche saudável e receberam lembrancinhas. De acordo com a psicopedagoga, Janielly Fernandes, o objetivo da ação foi estimular a socialização dos pequenos. “Através do bingo natalino, as crianças conheceram os símbolos que fazem parte do natal e também o significado e a origem dessa data, que é o nascimento de Jesus. Elas ficaram muito animadas com as premiações, deixamos que escolhessem o prêmio que queriam e depois elas brincaram bastante”, relatou Janielly.

O ‘Natal da Esperança’ no Hospital Metropolitano ainda contou com uma apresentação da Associação Casa dos Sonhos. Na última quarta-feira (20), mais de 80 crianças e adolescentes apresentaram o Natal pela Paz, por meio de uma encenação teatral, coral e momentos de reflexão. De acordo com a responsável técnica da Fonoaudiologia, Simone Lins, todas as atividades do Natal da Esperança no Metropolitano estão sendo organizadas pela Comissão de Humanização.

“O objetivo dessa comissão é transformar as práticas em saúde e propor que o paciente seja o sujeito central no cuidado. A integralidade é um dos princípios doutrinários do Sistema Único de Saúde (SUS), que valoriza o trabalho em saúde e melhora a relação entre pacientes e profissionais de saúde. Para nós é muito bom ver que um hospital de referência em alta complexidade na Paraíba, e no Brasil, está conseguindo promover uma abordagem humanizada no cuidado que fortalece essa participação social e a construção coletiva das políticas de saúde”, explicou a gestora.

Já nesta sexta-feira (22), foi o dia de receber a visita do Papai Noel no Hospital Metropolitano e também da 7ª Edição do Luau Entoando o Amor. A responsável técnica da Terapia Ocupacional, Renata Gomes, pontuou que o projeto do Luau Entoando o Amor foi escolhido para encerrar as atividades natalinas por oferecer uma alegria festiva e também um momento de alívio e acolhimento, para os pacientes, acompanhantes e colaboradores. Segundo Renata, o projeto, inclusive, já recebeu uma menção honrosa no Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia.

“É com grande alegria que estamos retomando esse projeto tão significativo para equipe que já acontece desde 2018. Dessa vez com a temática natalina e uma programação bem animada, com muita música ao vivo, brindes, dinâmicas de interação e um lanche, elaborado pela equipe de Nutrição. Muitos dos nossos pacientes vão passar o natal aqui na instituição, então esse projeto representa a esperança para pacientes, acompanhantes e colaboradores, unidos pelo espírito natalino”, disse Renata.

No Hospital do Servidor General Edson Ramalho (HSGER), a programação natalina teve início com a visita do Papai Noel, na última segunda-feira (18). O “bom velhinho” visitou todos os setores, da urgência até a enfermaria, lembrando aos pacientes da magia do Natal e por onde passou arrancou sorrisos e posou para fotos com pacientes, familiares e colaboradores do Hospital.

A coordenadora da Urgência e Emergência, Fernanda Alves, ficou encantada com o momento de descontração. “Sabemos como essa rotina é difícil para os pacientes e familiares, e a visita do Papai Noel tem o poder de deixar o ambiente mais leve, mais calmo, além de arrancar sorrisos sinceros, até daqueles que, raramente, sorriem”, disse a gestora. Além da visita do Papai Noel, nesta sexta-feira (22), os bebês internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTINeo) do HSGER ganharam um ensaio fotográfico vestidos com o gorro natalino.

Nas hemodinâmicas de Patos e Campina Grande, instaladas, respectivamente, no Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro e no Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, o clima natalino ficou por conta das ornamentações e confraternizações entre as equipes. A enfermeira coordenadora de Práticas Assistenciais da Hemodinâmica de Patos, Kamila Leite, contou que algumas confraternizações aconteceram dentro do setor de trabalho e outras em ambientes externos.

“Todos estamos muito felizes com esse primeiro ano de serviço avançando aqui no sertão Paraibano e gratos pelo trabalho e união dos profissionais. Esperamos que em 2024 sejamos ainda melhores e que possamos salvar mais vidas” afirmou Kamila.

Fonte – SECOM-PB