Sexta, 26, Fevereiro, 2021
banner

Marília Arnaud: um presente para a Paraíba

8, fevereiro, 2021

A escritora Marília Arnaud foi a vencedora da 5ª edição do prêmio Kindle de Literatura. Muitos disseram que ela deu um presente à Paraíba: eu diria que a própria Marília é um presente para a Paraíba. Esta é a primeira vez que essa importante premiação literária vem para um Estado do Nordeste.

A paraibana de Campina Grande, hoje residente em João Pessoa, venceu o concurso com a obra “O Pássaro Secreto”. O anúncio foi feito em evento online na noite da quinta-feria (4) e a premiação é concedida pela Amazon em parceria com a Editora Nova Fronteira.

Segundo a escritora, cada concorrente recebeu por encomenda uma caixa contendo um cadeado numérico e somente no momento de anunciar o resultado, online, a Amazon revelou a senha numérica que abria o cadeado. Aquele que encontrasse um troféu dourado seria o vencedor, os demais tinham dentro da caixa um troféu azul de participação. “Foi muito emocionante quando abri a caixa e recebei o troféu dourado. Essa premiação é muito importante para qualquer escritor ou escritora”, disse a paraibana Marília Arnaud.

Após o anúncio da premiação, que vai lhe garantir a publicação impressa de “O Pássaro Secreto” pela Editora Record, Marília Arnaud falou com a imprensa e disse que o mais importante é a visibilidade que seu trabalho passa a ter a partir de agora. “A conquista de um prêmio literário faz com que muitas pessoas que não conheciam seu trabalho passem a se interessar em saber quem é você e sobre o que escreve”, destacou.

Em linhas gerais, o livro trata da personagem Aglaia Negromonte, que descobre ter uma meia-irmã chamada Thaile. Esse é o ponto de partida para situações inesperadas que fazem sua vida se transformar em um pesadelo. O fato de Thaile conquistar a todos à sua volta, leva Aglaia a entrar em um ciclo de vingança, do qual, dificilmente, conseguirá sair.

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), utilizou sua conta no twitter para prestar homenagem à escritora. “Registro os parabéns à Marília pela importante conquista para a literatura paraibana”, publicou.

Quem é Marília Arnaud

Marília Arnaud é paraibana de Campina Grande. Formada em Direito pela UFPB, mora em João Pessoa. Publicou contos e crônicas em jornais paraibainos na década de 1980. Teve contos incluídos nas antologias 30 Mulheres que estão fazendo a nova literatura brasileira (organização de Luiz Ruffato, 2005), Contos cruéis (as narrativas mais violentas da literatura brasileira contemporânea) (2006) e Quartas histórias (2006).

banner