Sexta, 26, Fevereiro, 2021
banner

Quem manda é o chefe

15, fevereiro, 2021

O CSP assustou no primeiro tempo com a vitória de 1×0, mas na segunda etapa o Botafogo-PB foi capaz de virar o placar e vencer o primeiro jogo-treino da temporada. O técnico Marcelo Vilar disse que gostou do que viu nos dois tempos, o que credencia o trabalho daqueles que almejam uma vaga de titular no time que vai estrear na Copa do Nordeste.

Se Marcelo Vilar gostou, cabe ao torcedor esperar o andamento da temporada e jogos mais difíceis para ter a certeza de que o treinador está com a razão. É preciso entender que ele está cheio de limitações por conta da redução de despesas com a folha de pagamento. Até isso precisa ser levado em consideração a cada momento do time nas competições oficiais.

O mais interessante é que Marcelo Vilar gostou dos jogadores que atuaram nos dois tempos. Isso mostra que a briga pela titularidade vai ser equilibrada. Faltou só o goleiro Felipe, que não jogou e eu não sei o motivo. O restante do grupo participou ativamente do jogo-treino, mostrou disciplina e agradou ao chefe. Então deu tudo certo no primeiro desafio.

A partir de hoje, Marcelo Vilar vai continuar o seu processo de observação. Com certeza vai mudar alguma coisa para o jogo contra o Vitória-PE que acontece na próxima quarta-feira. Quer chegar rapidamente ao seu time titular que deverá ser o que vai enfrentar o Náutico-PE no último amistoso antes da estreia na Copa do Nordeste. A ordem é deixar Marcelo Vilar o mais à vontade possível, assim como os seus comandados.

Positivo
Mesmo perdendo para o Globo-RN na sua estreia como treinador, Marcelinho Paraíba gostou do primeiro tempo do seu time titular e considerou a derrota normal, já que ainda está testando algumas posições. Para o próximo desafio ele acredita que o Treze vai melhorar de produção. É isso mesmo que a torcida espera.

Negativo
A Federação Paraibana de Futebol ainda não definiu se realiza as competições da base em 2021. No ano passado não aconteceu nada e a FPF é obrigada a indicar representantes para as disputas em nível nacional. Agora resta saber qual o critério utilizado para fazer justiça a todos os filiados. Já tem clubes insatisfeitos com a entidade.

No Foco
O jornalista Otinaldo Lourenço deixa um grande legado para quem zela pela informação com qualidade. Colaborou com o TCC que escrevi com Marcelo José na UFPB – A Era de Ouro do Rádio Paraibano – Foi amigo e colega de trabalho do meu sogro, Célio Everaldo Cardoso (in memorian), na Rádio Arapuan AM. Nossos sentimentos à toda família.

banner