sábado, 25 de maio de 2024
Política 26, agosto, 2023

CPMI aprova a quebra de sigilo do paraibano Tércio Arnaud, ex-assessor de Bolsonaro

thumb

Ex-assessor especial do ex-presidente Jair Bolsonaro, o paraibano Tércio Arnaud Tomaz (PL) terá o sigilo telefônico e telemático quebrado por decisão do CPMI dos Atos Golpistas de 8 de janeiro, no período de 30 de outubro de 2022 a 8 de janeiro de 2023.

O requerimento foi aprovado pelos membros da comissão, nessa quinta-feira (24), em uma sessão marcada por bate-boca entre a senadora Laura Carneiro, em defesa da senadora Eliziane Gama, relatora, e o senador Marcos Feliciano após a votação do requerimento para quebrar os sigilos fiscal, telefônico e telemático da deputada federal Carla Zambelli (PL-SP).

Para quem não lembra Tércio Arnaud disputou as eleições de 2022, na Paraíba, como primeiro suplente do então candidato ao Senado, Bruno Roberto. Ficaram em quinto na disputa.

Bolsonaro chegou a gravar um vídeo ao lado dos dois, pedindo que p eleitor paraibano votasse nos dois.

Natural de Campina Grande, Tércio Arnaud é apontado em investigação no Supremo Tribunal Federal como um dos principais líderes do “gabinete do ódio”, grupo que seria formado por membros do governo e apoiadores de Bolsonaro para atacar adversários e espalhar desinformação nas redes sociais.

Fonte – Blog Sony Lacerda