sexta-feira, 19 de agosto de 2022
Política 3, julho, 2022

Eleição 2022. Republicanos abre mão da vice e fica com Efraim. Será?

thumb

Apesar de o deputado estadual Adriano Galdino repetir, por diversas vezes, que a reunião entre o governador João Azevêdo e a cúpula do Republicanos foi “satisfatória”, o Blog apurou que a conversa foi bem diferente. 

Tanto Adriano quanto o presidente da legenda na Paraíba, deputado Hugo Motta, disseram ter apresentado os nomes de Wilson Filho, atual líder do governo, e do ex-senador Raimundo Lira para a vaga de vice, mas não convenceram.

Blog apurou que, na verdade, o partido sinalizou ao governador que abre mão da vice para manter o apoio à pré-candidatura ao Senado do deputado Efraim Filho (União Brasil). 

Também permanecerão na base do governo. Sair, nesse momento, seria assinar uma “sentença de morte” por conta dos cargos que a legenda ocupa na gestão. Teria muito mais a perder do que a ganhar.

A cúpula do Republicanos se reuniu por quase três  horas com João e depois seguiu para Campina Grande para comemorar o aniversário/ ato de lançamento da pré-candidatura de Murilo Galdino a Câmara Federal.

A informação se confirmou com os beijos, literalmente, e abraços dispensados pelo Republicanos, leia-se Adriano Galdino, a Efraim no evento. “Prefiro deixar de ser vice e manter minha honra e minha palavra”.

Na verdade, o próprio Adriano confirmou em entrevista, na noite dessa sexta-feira (1º), nunca ter havido acordo para que o Republicanos indicasse a vice. Era “só na boca do povo”.

Uma análise bem fria é que o Republicanos, em que pese não pode ser desconsiderado devido ao número de parlamentares, acreditava que o governador João Azevêdo ficaria sem “opção”.

O fator Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) que, na última hora, decidiu não ir para o Senado e indicar a vice na chapa, pegou a muitos de surpresa.

Fonte – Blog Sony Lacerda