sábado, 22 de junho de 2024
Educação 1, julho, 2023

Estudantes das redes públicas de ensino já podem se inscrever no Programa Jovens Embaixadores

thumb

Os estudantes das redes públicas de ensino que quiserem participar do Programa Jovens Embaixadores, iniciativa oficial do Departamento de Estado dos EUA e organizada pela Embaixada e Consulado dos EUA no Brasil, já podem fazer suas inscrições a partir desta sexta-feira (30). Os interessados irão participar de uma seleção envolvendo diversas etapas como avaliação de escrita em inglês, análise curricular e entrevista. As inscrições podem ser feitas pelo site https://www.jovensembaixadores.org.br/. Os estudantes selecionados irão vivenciar um intercâmbio de curta duração nos Estados Unidos entre os meses de janeiro e fevereiro de 2024.

Para concorrer às oportunidades, os alunos devem estar dentro de alguns requisitos, como: ter entre 15 e 18 anos, estar cursando o Ensino Médio em escola pública, ter pouca ou nenhuma experiência no exterior, ter boa fluência oral e escrita em Inglês, pertencer à camada menos favorecida da sociedade, possuir engajamento em atividades de empreendedorismo e impacto social.

Intercâmbio – Todas as despesas relacionadas ao programa são custeadas pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos, pela Embaixada e Consulados dos Estados Unidos da América no Brasil e suas parcerias com o setor privado. Serão custeadas pelo programa as passagens aéreas internacionais e domésticas, transporte local, seguro-viagem, alimentação, hospedagem e o visto de entrada nos EUA. As únicas despesas que ficam a cargo das pessoas selecionadas são a taxa para a emissão do passaporte brasileiro e despesas extras não relacionadas diretamente ao programa.

Jovens Embaixadores – O Programa Jovens Embaixadores é um intercâmbio de curta duração nos Estados Unidos para estudantes do Brasil de destaque na rede pública de ensino com perfil de liderança e espírito empreendedor. O programa inclui oficinas sobre liderança e empreendedorismo, visitas a escolas, projetos de empreendedorismo social e reuniões com representantes do governo norte-americano, bem como outras atividades relacionadas ao tema do programa, além de apresentações sobre o Brasil.

Fonte – SECOM-PB