sábado, 22 de junho de 2024
Saúde 5, junho, 2023

Programa Coração Paraibano faz atendimento rápido e salva vida de forrozeiro no Parque do Povo

thumb

Oatendimento em tempo hábil realizado pelo Programa Coração Paraibano, na noite desse sábado (3), no Parque do Povo, em Campina Grande, foi determinante para salvar a vida de um homem, de 52 anos, que aproveitava a festa junina no local. Durante os 32 dias de festa, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) mantém um Posto de Atendimento Avançado para fazer atendimentos de baixa complexidade e socorrer pacientes com alterações cardíacas. 

Ao apresentar dor no peito e forte dor de cabeça, o paciente recebeu os primeiros atendimentos no posto médico instalado no interior do Parque do Povo. De imediato, dentro da festa, foram realizados exames de eletrocardiograma remoto e consulta, em tempo real, através da telemedicina, com a equipe de cardiologistas do Programa Coração Paraibano, no Hospital Metropolitano de Santa Rita, unidade coordenadora do programa. 

Com o resultado inicial apresentado nos exames, indicando síndrome rara que tem as mesmas consequências de um infarto agudo do miocárdio, o paciente foi encaminhado na ambulância do programa para a hemodinâmica do Hospital de Trauma de Campina Grande, onde foi realizado, imediatamente, o cateterismo.  

“O atendimento ágil, através da presença do programa Coração Paraibano dentro da festa no Parque do Povo foi essencial para o diagnóstico rápido e a adoção de condutas para confirmar a ocorrência do infarto do miocárdio no paciente. Nesse caso, o infarto foi descartado, mas não poderíamos arriscar não realizar o cateterismo”, explica o médico Elvio Lievert, que recebeu o paciente dentro do Posto Médico e realizou as primeiras condutas. 

De acordo com a equipe médica da unidade, o paciente encontra-se estável e já recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para a enfermaria, onde se recupera bem. Para a família, o atendimento foi essencial, uma vez que ninguém tinha conhecimento da gravidade do quadro do paciente.  

“Fomos pegos de surpresa. Meu tio foi dar uma volta na festa e de repente passou mal. A gente não sabia que o atendimento era tão grandioso. Se não tivesse tido esse atendimento tão rápido, ele não teria sobrevivido, foi primordial, fez toda a diferença. Nossa gratidão a todos que nos ajudaram e a esse programa, que eu ainda não conhecia. É muito importante”, expressou a sobrinha do paciente, Vanessa Lourenço. 

Segundo o secretário de Saúde da Paraíba, Jhony Bezerra, o programa é um marco na saúde pública do estado. “O Coração Paraibano tem sido um grande diferencial na assistência cardiológica da Paraíba, através de um serviço inovador que integra redes em cada macrorregião via telemedicina.  Nossa presença estratégica, nas principais regiões do estado tem, de fato, ajudado a salvar vidas. O atendimento realizado na noite desse sábado em Campina Grande, mostra o quanto a saúde da Paraíba tem avançado, em compromisso, qualidade e inovação”, destaca. 

O programa Coração Paraibano teve início em março deste ano e já salvou a vida de mais de mil paraibanos. Durante os festejos juninos, além do atendimento de prontidão no Parque do Povo, em Campina Grande, uma ambulância e uma aeronave estão disponíveis para a locomoção de pacientes.  

Os centros de referência do programa, que compõem a rede de hemodinâmicas do estado são: o Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires, em Santa Rita; o Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande; e o Complexo Regional Hospitalar Deputado Janduhy Carneiro, em Patos. A descentralização do atendimento cardíaco especializado diminui o tempo de resposta para o socorro dos pacientes, elevando a taxa de sucesso no socorro destas vidas. 

Fonte – SECOM-PB